11 junho 2011

real...

7 comentários:

Ingrid disse...

que se realizem..
beijos e bom findi..

mfc disse...

O amor dito e sentido no futuro!

Um brasileiro disse...

ola. tuo blz? estive por aqui. muito interessante. apareça por la. abraços.

Anónimo disse...

Na representação teatral, há sempre uma duplicidade de mundos que nos propomos atingir. Um onde vivemos, outro "nosso" também, mas construido por nós com o húmus do trilho da estrada, esse é o verdadeiro. Mas como diz o Centenário Manoel de Oliveira - "a verdade verdadeira, está sempre escondida"! Bem Haja "Retrato" é sempre crescer visitá-Lo.

retrato disse...

costumo retribuir, visitas e comentários, deliciando-me com prazer, envolvido na leitura que me proporcionam nos seus cantinhos. há, no entanto, os Amigos que surgem no Anonimato, que eu respeito, mas que me impedem de os visitar onde quer que estejam. assim, caro Anónimo(a), o teu comentário denuncia, pelas tuas palavras, alguém que vive o sentido das mesmas como o "retrato" de sentimentos que nos alimenta o furor na escrita.
Bem Haja pela tua visita.

Multiolhares disse...

deixamos os caprichos da ilusão serpentear a mente construindo o sentido da vida entre o real e irreal
bjs

Só pra você disse...

Nossa! amei...

Beijocas.