22 junho 2011

o rapto...

12 comentários:

Parapeito disse...

Um querer mto forte...
assim vale a pena ser "raptada"
:) brisas frescas...que o calor aperta**

mfc disse...

O amor só é amor, quando extremado!

Ingrid disse...

deixar-se raptar pela intensidade ..
bom mesmo para começar um dia ...
beijo e obrigada sempre pelo carinho..

Dani Gomes disse...

Belo post: Raptou-me!

Grande beijo para ti!

http://omundoparachamardemeu.blogspot.com/

Marly Bastos in "palavreados ao vento" disse...

Delirante!
Amei
Beijokas

brisonmattos disse...

Adorava ver esse filme. Pena que não passa mais nos cinemas.Filme bom é assim...a gente sempre lembra dele...mas nunca mais será como antes.

Paula Barros disse...

Raptos assim deveriam acontecer, sem direito a pagar fiança, sem volta, só o viver, intensamente, delirantemente.

abraço

(é intensa e bonita a forma que você escreve sobre o querer, sobre o amor)

retrato disse...

caro(a) brisonmattos,

costumo agradecer os comentários que me deixam, retribuindo a visita. contudo, verifiquei que não tem Blogue e não tenho outra alternativa senão esta para o fazer.

agradeço pois, as suas palavras e a amável visita.

cumprimentos

Ma Ferreira disse...

Retrato..posso te chmar de R?

Obrigada pelo gentil comentário em meu blog. Ja te considero amigo.

Me novo, me pergunto porque gosto de vir aqui. Será pela musica? será pelo ar de mistério que teu blog transborda?
Será pelo lindo poema...tão romantico?
A resposta não me importa..
Gosto porque gosto. Ponto.

Um bj..

Ma

Aninha Zocchio disse...

Amei o video que postou do Fantasma da Opera!!!! :-)
Quanto ao poema, ainda com os olhos vendados, o amor que se sente, conduz os afetos... cegos de amor... sempre!

Vivian disse...

...fui raptada pela sua
sensibilidade!

vídeo e post, maravilhosos!

bjbj

Só pra você disse...

que vontade de ser raptada, isso sim...rsrsrs. Simplesmente lindo!

Beijocas