18 fevereiro 2011

problemas técnicos... desce o 3º pano.

11 comentários:

mfc disse...

Um poema repleto de imagens muito bem conseguidas!
Um sedutor pequeno almoço!

Vivian disse...

...quando envolvidos pela
magia do amor, a entrega
é sempre o próximo passo
para mergulhar fundo
nas águas calientes das
melhores sensações!

bj

nuvemdoce disse...

Espera, não te mexas, tenho uma surpresa.
Sentei-me na beira da cama, apalpei o tecido, era macio, vermelho escuro, tal e qual os panos de um palco. O perfume, reconhecia ao longe, era o dela, fresco, algo parecido com jasmim. Esperei.
Passaram-se apenas alguns minutos, ouvi leves passos, pareciam o esvoaçar de uma borboleta,era ela.
Fecha os olhos.
Fechei de imediato, não queria estragar a surpresa. Ela estava feliz. Comecei por sentir as mãos dela à volta dos meus olhos. Uma venda para garantir que nada via.
Quando disser três, podes retirar a fita dos olhos, mas muito lentamente está bem?
Estou ansioso!!..

(Ups...problemas técnicos, tenho que ir fazer o jantar, continuas por mim...?)...ahahhaha....

Beijokas
Bom fim de semana

p.s. Essa da cadelinha está o máximo!!..loll..

Maria João disse...

Não há problema técnico que não se resolva.
Neste intervalo, Sardet foi uma belíssima escolha.

Um abraço

BRANCAMAR disse...

Ando por aqui, mas hoje não tenho palavras, apenas olhos e ouvidos, passei em silêncio e volto apenas para deixar uma nota de muito apreço por este belíssimo post. Amanhã, talvez amanhã esteja cá de novo, com outras palavras.

Deixo um abraço
Branca

Multiolhares disse...

que importa para onde se vai, quando nos pegam na mão sentimos segurança
beijos

MagyMay disse...

"Apanhei" o problema técnico...
Fiquei sem verve.
É a poesia, a poesia....

Paula Barros disse...

Dois momentos me chamam a atenção no seu poema. Um é despir-se da timidez e vestir- da coragem, e quando o assim fazemos, podemos até sofrer, mas registramos momentos maravilhos. Penso assim.


E o outro é esta cena maravilhosa, de se imaginar, de sentir: "aqueço, com o teu beijo nos meus lábios, pegas-me na mão e levas-me..."

abraço

yaraeosol - yaralm disse...

Ah! Que coincidencia Retrato, tenho um blog que se chama Retrato Falado!
Gostei muito dos poemas e imagens aqui!
Parabéns!
Um abraço,

Yara

BRANCAMAR disse...

Volto,

Sabe bem saborear este texto e os anteriores, dizem-me algo de alguém com uma capacidade inteligente de escrever, com arte e mestria, que é pena não dar o nome. Por este caminho terá que o dar um dia nas estampas de uma editora, porque este é o prenúncio de um criador que não tem problemas técnicos para escrever e talvez tenha até agora desconhecido as suas próprias capacidades, que são imensas.
Que esses problemas se resolvam e deles nasça uma história digna do melhor palco e do melhor público.

Beujinhos
Branca

BRANCAMAR disse...

Peço desculpa pelo erro atràs: beijinhos e não beujinhos. Eu sou uma pianista de teclado, que desafina nas notas e estraga sempre a melodia, :)).

Como vê também tenho alguns problemas técnicos.